Brasil
Acesso à Informação

Antinomias pós-modernas sobre a natureza

Summary

This article analyzes the intrinsic link between the modern view of science and its underlying idea of nature. After discussing the characteristics of the postmodern positions and summarizing the various conceptions of nature prevalent at different times throughout history, we problematize indicators of incongruity in postmodern images of nature. Our objective, through analysis and conceptual history, is to delineate the points of tensions concerning different notions of nature within postmodern theories. We then suggest that the equivocality of the concept of nature produces multiple paradoxes and antinomies in contemporary thought, many of which emerged within the scope of modernity itself, becoming even more explicit and intense in the current technical and scientific climate.

Sumário

Analisa o vínculo intrínseco entre a elaboração moderna de ciência e a noção de natureza a ela subjacente. Discute as características das posições pós-modernas e inventaria as ideias recorrentes de natureza nas diferentes épocas históricas. Problematiza indicadores de incongruências nas imagens pós-modernas da natureza. Por meio da análise e história conceitual, explicita pontos de tensão nas proposições teóricas pós-modernas em relação às diferentes noções de natureza. Sugere que a equivocidade da noção de natureza produz múltiplos paradoxos e antinomias no pensamento contemporâneo, muitos dos quais tiveram emergência no âmbito da própria modernidade e tornaram-se ainda mais explícitos e intensos na conjuntura tecnocientífica do mundo atual.

Artigos relacionados