Brasil
Acesso à Informação

O Brasil no centro do debate sobre o acesso universal aos recursos hídricos e o desenvolvimento sustentável

22/03/2018

No Dia Mundial da Água (22/3), o Portal de Periódicos Fiocruz traz uma seleção com diversos artigos sobre acesso à água, saneamento, qualidade e gestão sustentável destes recursos

Por Valentina Leite e Flávia Lobato (Portal de Periódicos Fiocruz)

Jovem sobre carro-pipa: fóruns no Brasil debatem o acesso à água e a privatização deste
recurso e outros temas essenciais na semana em que se celebra o Dia Mundial da Água

 

O Brasil está no centro dos debates sobre água, recursos hídricos e desenvolvimento sustentável. É que o país sedia pela primeira vez o 8º Fórum Mundial da Água. O evento - que acontece nesta semana em que se celebra o Dia Mundial da Água (22/3), em Brasília - reúne chefes de estado, ONGs, estudantes e empresas para buscar soluções que otimizem o uso destes recursos. Paralelamente, ocorre o Fórum Alternativo Mundial da Água (Fama), cuja pauta é centrada na defesa pública e o controle social das fontes de água, no acesso democrático à água, na luta contra as privatizações dos mananciais, no debate sobre as barragens e na defesa dos povos atingidos. A agenda do Fama também trata dos serviços públicos de água e saneamento, das políticas públicas necessárias ao controle social do uso da água e da preservação ambiental, no sentido de garantir o ciclo natural da água em todo o planeta. Para isso, o Fama reúne ambientalistas, sindicalistas e representantes de ONGs e de movimentos sociais, que querem despriorizar o uso da água para o lucro de grandes empresas. Os dois eventos suscitam a reflexão sobre temas essenciais, tais como: o acesso à água potável como direito humano, a privatização da água e superexploração de recursos naturais.


Agenda 2030: publicação da Unesco contribui para monitorar metas dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável 

No Fórum Mundial da Água foi apresentado o Relatório Mundial das Nações Unidas sobre o Desenvolvimento dos Recursos Hídricos (World Water Development Report ), documento produzido anualmente pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco). O relatório oferece um quadro geral do estado dos recursos de água potável no mundo, a fim de fornecer ferramentas sustentáveis a tomadores de decisão. O documento contribui para monitorar as metas definidas pelos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS, 2016-2030), recomenda as melhores práticas e oferece análises teóricas profundas, que ajudam a estimular ideias e ações para melhor gestão da água.


A resposta está na natureza

A ONU aposta nas soluções baseadas na natureza (SbN). O relatório de 2018 destaca que trabalhar com a natureza ajuda a alcançar a segurança dos recursos hídricos para todos, além de apoiar o desenvolvimento sustentável. Segundo a Organização, o objetivo é encontrar o equilíbrio entre as soluções “verdes" (fornecidas pela natureza) e as “cinzas” (tradicional infraestrutura hídrica construída) para melhorar a eficiência e minimizar os custos. Todas essas soluções visam atender ao Objetivo 6 (Assegurar a disponibilidade e gestão sustentável da água e saneamento para todas e todos), um dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável.


#ÁguaParaTodos

A universalização do acesso a recursos hídricos é um tópico que vem sendo levantado há muito tempo pelas frentes de defesa dos direitos humanos. O Fórum Alternativo Mundial da Água cobra mais atenção com a água que chega – ou não – aos lares das populações mais carentes.

Para que este debate possa fluir ao encontro de soluções que beneficiem a todos, o Portal de Periódicos Fiocruz traz uma seleção de artigos variados, publicados nas revistas científicas editadas pela Fiocruz. Faça bom uso desta fonte de conhecimento e boa leitura!
 

Este portal é regido pela Política de Acesso Aberto ao Conhecimento, que busca garantir à sociedade o acesso gratuito, público e aberto ao conteúdo integral de toda obra intelectual produzida pela Fiocruz.