Brasil
Acesso à Informação

Editora Fiocruz lança e-book interativo sobre desigualdades sociais e saúde

15/01/2019
Este e outros e-books publicados pela Editora estão em acesso aberto no SciELO Livros. Acesse e confira
Por Erika Farias (CCS/Fiocruz)*

 

Aliando praticidade a novos formatos literários, a Editora Fiocruz lançou seu segundo e-book interativo: Como e Por Que as Desigualdades Sociais Fazem Mal à Saúde. O livro, de autoria de Rita Barradas Barata, teve sua primeira edição impressa em 2009. Apresenta breves considerações teóricas sobre a temática das desigualdades sociais em saúde, apontando correntes e tendências existentes na pesquisa epidemiológica.

A nova versão interativa — com edição de conteúdo de Maria Fernanda Marques Fernandes, Phelipe Gasiglia e Vanessa Freitas — diferentemente da mera transformação de impresso para digital, aproveita as possibilidades do meio virtual. Para isso, se utiliza de vídeos, áudios, galerias de fotos, infográficos e outros recursos que ora complementam, ora substituem partes do texto original, criando um novo formato de interação com o livro.

O diretor-executivo da Editora Fiocruz, João Canossa diz que o objetivo foi criar um produto diferenciado e atraente, para que mais pessoas pudessem se sentir interessadas pela leitura. “Acrescentamos às mídias selecionadas, por exemplo, uma entrevista com a autora, em vídeo, feita pela equipe da Editora em parceria com a VideoSaúde exclusivamente para o e-book interativo, material que serviu de fio condutor e abertura de cada capítulo”, conta.

O livro

A edição trata da questão das classes sociais, de como a posição social de cada indivíduo repercute sobre sua saúde, e da influência da renda, ou seja, as relações entre riqueza e estado de saúde. Insere também a discussão sobre etnia e discriminação como categorias importantes da análise do estudo em questão.

A obra destaca, ainda, as relações de gênero e a produção da saúde e da doença, tecendo comentários sobre as políticas públicas no enfrentamento das desigualdades sociais, para então expor suas considerações e conclusões em torno do tema.

Edição de conteúdo

João Canossa explica que, a partir da metodologia construída pela experiência com o primeiro e-book interativo da Editora Fiocruz, O Que é o SUS, de Jairnilson Paim, foi realizada uma leitura detalhada do livro de Barradas. A intenção era dividi-lo em subtemas e identificar trechos que poderiam ser modificados. “Trabalhamos com um repertório de mídias que nossos parceiros — de outras instâncias de informação e comunicação da Fiocruz — sugeriram e outras que selecionamos a partir dos subtemas elencados. Em seguida, esse repertório passou por um segundo crivo relacionado à estética e à adequação”, detalha.

Acessibilidade

Acesso e acessibilidade são grandes preocupações da Editora Fiocruz. Por isso, são oferecidos acesso aberto na internet, elementos sonoros (áudios) e formatos (PDFs) que facilitam a apreensão dos conteúdos. “Entendemos que, não só pela linguagem acessível, ao rechear os livros com infográficos e imagens e glossários, por exemplo, também contribuímos para a acessibilidade daqueles que têm talvez não uma limitação física, mas dificuldades cognitivas”, explica Canossa.

Os e-books publicados pela Editora Fiocruz estão em acesso aberto no SciELO Livros. Além da versão interativa de Como e Por Que as Desigualdades Sociais Fazem Mal à Saúde também é possível encontrar o livro O Que é o SUS, de Jairnilson Silva Paim, primeiro e-book da Editora.

 

*Texto originalmente publicado na mais recente edição do Jornal Linha Direta, da Comunicação Interna da Fiocruz.